Angola vence Egipto após três prolongamentos

14 de Setembro 2011, 10:48

O jogo entre Angola e o Egipto a contar para quarta jornada da primeira fase do torneio de basquetebol masculinos dos décimos Jogos africanos, foi até aqui o mais empolgante desafio disputado neste evento. E para se encontrar o vencedor teve que se recorrer a três prolongamentos e a selecção angolana acabou por ser a vencedora por 88-81.

Numa partida que decidia a classificação do grupo B, as duas selecções entraram em campo dispostas a proporcionar excelentes momentos de basquetebol e o pouco público que presenciou o embate não terá dado o seu tempo por perdido.

Depois de Angola sair a vencer no final da primeira parte por 33-24, a turma egípcia encetou uma recuperação estonteante, com H. Abdel a ser o grande responsável pela excelente resposta, anotando em todo jogo 32 pontos, com uma percentagem de 67 por cento nos lançamentos de três pontos (quatro em seis), fazendo com que no final do tempo regulamentar o resultado fosse de 63 para cada lado.

No primeiro prolongamento, o Egipto teve tudo para sair vitoriosa mas permitiu que os angolanos novamente igualassem a partida a 71 pontos, com V. Jerónimo (18 pontos e quatro ressaltos) a ser um dos jogadores mais preponderante na equipa dos “Palancas Negras”.

Nos seguintes cinco minutos, o cinco egípcio parecia determinado em acabar com o jogo, mas acabou caindo nos instantes finais por quebra física, levando o encontro para mais um prolongamento, visto que o segundo terminou com o resultado de 79 igual.

No terceiro prolongamento valeu a turma de Angola a frescura física para logo nos primeiros dois minutos esticar a diferença para cinco pontos, sendo que nesta etapa os “Faraós” apenas marcaram dois pontos, contra nove do seu oponente levando o resultado final para 88-81.

Depois deste jogo, as duas equipas voltam a entrar em cena na segunda etapa jogando as partidas dos quartos-de-final, sendo que Angola vai defrontar a Argélia enquanto o Egipto medirá forças com a Nigéria, naquela que é considerada a partida mais equilibrada dessa ronda.

Alfredo Lituri (Texto e Fotos)

SAPO MZ

Comentários



Banca de Jornais

Votação