Catedral do basquetebol moçambicano lotada para final

17 de Setembro 2011, 18:49

A catedral do basquetebol moçambicano, o Pavilhão do Maxaquene, está completamente lotada de espectadores ávidos em querer testemunhar in-loco a primeira final de Moçambique numa competição africana de selecções masculinas, algo que vai acontecer a partir das 20:00 horas de Maputo, diante da Nigéria.

Desde as primeiras horas da tarde deste sábado que milhares de espectadores se fizeram a este recinto para ocupar o seu lugar para testemunhar este momento histórico do desporto moçambicano, no âmbito da realização dos décimos Jogos Africanos Maputo 2011.
O bilhetes para esta final foram coolocados à venda no princípio da manhã de hoje e por volta das 10:00 Horas acabaram esgotando, fazendo com que milhares de pessoas ficassem sem a possibilidade de adquirir o rectângulo mágico que dá acesso ao recinto, com capacidade para cerca de 3500 pessoas.
Como é habitual neste tipo de situações este facto de lugar ao assambarcamento de bilhetes por parte de oportunistas que adquiriram as entradas ao preço de 50 meticais e revenderam os mesmos ao preço que variava entre os 250 a 1000 meticais.
No interior do pavilhão, a final é aguardada com enorme expectativa por parte dos amantes do basquetebol moçambicano que estão preparados para puxar pelo cinco nacional para que chegue à vitória, aliás facto que tem se repetido em quase todos os jogos deste campeonato.
Referir que o basquetebol tem sido a modalidade que arrasta mais espectadores para os recintos dos jogos, sendo que tanto o torneio masculino assim como feminino registaram casa cheia em quase todos jogos onde estiveram envolvidas as selecções moçambicanas.


Alfredo Lituri (Texto e Foto)

SAPO

Comentários



Banca de Jornais

Votação