Exibição do mosaico cultural moçambicano no hanbanine Maputo

19 de Setembro 2011, 16:22

A exibição de um vasto mosaico cultural moçambicano marcou a cerimónia de encerramento dos décimos jogos Africanos Maputo 2011, evento que teve lugar na noite deste domingo no Estádio Nacional do Zimpeto.

Foi uma ocasião ímpar em que os moçambicanos disseram “habanine” (adeus) aos mais de seis mil participante, entre atletas, treinadores, dirigentes e jornalistas que de 3 a 18 de Setembro tomaram parte na Olimpíada Africana.

Tal e qual no acto de abertura oficial deste evento, a exibição de números culturais foi o ponto mais alto deste evento, em que Moçambique deu a conhecer uma parte do vasto mosaico cultural, com destaque para a apresentação de danças tradicionais do norte ao sul do país, sendo que Xikuakuakua a primeira a ser exibida.

Depois segui-se a vez da apresentação do tufo, com centenas de mulheres vestidas ao rigor a tomarem conta do rectângulo do jogo. Um dos momentos interessantes da exibição do tufo, foi quando mulheres saltaram a corda ao ritmo dos tambores que rufavam neste estádio.

A dança do guerreiro africano, ou seja o xigubo, foi o último número do mosaico artístico cultural exibido na noite de hoje na festa de encerramento, com centenas de homens  a tomarem conta do recinto e arrancarem inúmeros aplausos da plateia.

Por fim, os mais de 700 figurantes deste espectáculo de encerramento, sendo 400 mulheres e 300 homens, em simultâneo tomaram apresentaram a última coreografia da noite, onde se destacava a palavra adeus, como forma de despedida de todos que tomaram parte neste evento desportivo.

Alfredo Lituri (Texto e Foto)

SAPO

Comentários



Banca de Jornais

Votação