Show de bola ao cesto na viragem do resultado e já cheira ouro

10 de Setembro 2011, 14:37

Foi preciso suar as estopinhas para Moçambique garantir a presença nas meias-finais do torneio de basquetebol sénior feminino inserido nos Décimos Jogos Africanos Maputo 2011, pois a turma do Ruanda vendeu caro a sua eliminação, chegando mesmo a liderar o marcador. Valeu coragem, forca e determinação das moçambicanas que deram um autêntico show de bola-ao-cesto para virarem o resultado e vencerem

Ao longo da primeira parte as forasteiras causaram muitas dores à equipa da casa que contou com um forte apoio do público que lotou a catedral do basquetebol moçambicano, o pavilhão do Maxaquene. No final do primeiro período as ruandesas chegaram a controlar o resultado vencendo por 18-21.

No segundo período as ruandesas continuaram a complicar a vida das donas da casa, com a armadora de Angellica Mónica a acertar nos lançamentos exteriores, o mesmo acontecendo com Ayebara Honoree que acertava da linha dos três pontos, contribuindo com 13 e 8 pontos, fazendo com que o resultado ao intervalo fosse de38-42, ao intervalo.

O terceiro período voltou a ser determinante para que Moçambique desse a volta ao texto, com uma entrada mas consentânea com a realidade do basquetebol que a equipa vem apresentando neste torneio. A extremo-poste Tânia "Tanucha" Dongue foi uma das que galvanizou a equipa para a recuperação que se desejava, acertando tanto debaixo do cesto, assim como em lançamentos da linha dos três pontos, fazendo com que a equipa de todos nos terminasse a etapa a vencer por escassos dois pontos de diferença, 59-57.

No quarto e ultimo período foi a vez de a poste Deolinda Gimo dar o seu show de bola-ao-cesto ganhando a luta debaixo das tabelas, assim como mostrava-se certeira longe do cesto, abrindo caminho para um distanciamento na liderança do marcador.
  Moçambique deu um verdadeiro espectáculo de basquetebol agradando os milhares de espectadores que saíram maravilhados com a vitoria de 16 pontos de diferença, ou seja 86-70.

O próximo adversário é a selecção do Senegal que nos quartos-de-final derrotou o Quénia por 71-58, prometendo ser um adversário difícil nas meias-finais aprazadas para a noite deste sábado.

Alfredo Lituri (Texto) e Sérgio Costa (Fotos)

SAPO

Comentários



Banca de Jornais

Votação